quarta-feira, setembro 24, 2008

Coisas da crise dos mercados financeiros

"Perante a catástrofe iminente, aqueles mesmos que reclamavam, há poucos meses, menos Estado, mais privatizações, recorrem agora ao Estado, com total desfaçatez, isto é: ao dinheiro dos contribuintes. Privatizam-se os lucros e socializam-se os prejuízos - essa parece ser agora a regra." (Mário Soares, "Diário de Notícias", 23-09-2008)

Etiquetas:

5 Comments:

Anonymous mitó said...

Esse sr. não é "puro" e, embora a demagogia seja uma das suas armas preferenciais em muitas situações, nesta, foi de grande realismo!

9:26 da tarde  
Blogger frosado said...

pura, pura, só mesmo a virgem maria...

9:37 da tarde  
Anonymous mitó said...

Trocaste uma letra?

10:45 da tarde  
Anonymous carmélio said...

Bem,
Não vejo que seja uma questão de demagogia ou de realismo da parte de Mário Soares.
Ele sempre seguiu uma via Karl-Kaustkyana (social-democrata marxista) e está em nós aceitá-la ou não. Isso tem netinhos antes de Abril, fundação do partido, chaimites de Carlucci, e por aí fora.
Mas para um país de poetas, fica tudo numa boa.

2:54 da manhã  
Anonymous carmélio said...

Se a Virgem Maria fosse pura, não se chamaria "Maria."

2:59 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home