domingo, fevereiro 26, 2006

Entrudo















Entrudo
A minha pele de veludo
vestiu-se um dia de entrudo
pintada de fúlvias cores
incendiou mil amores
...
(primeiros versos de um poema da minha amiga Rosa Calisto, só para aguçar o apetite. O resto virá a seu tempo...)
PS- A Beatriz e o famoso Sandro

7 Comments:

Blogger cardeal patriarca said...

D. Fátima

Viva o entrudo. Abaixo o carnaval de mulheres nuas a tiritar de frio, pensando que estão no Rio de Janeiro.

E papalvos a verem e a pagarem para tal.

VIVA O ENTRUDO !

Eu sabia que tinhamos mais alguma coisa em comum para além das saias.

8:40 da tarde  
Blogger Desambientado said...

Fátima. Qual és tu? A da Direita ou da esquerda?

11:22 da manhã  
Blogger Alessandro_PPG said...

Olá! Visite o meu novo blogger: http://ilustrada-ppg.blogspot.com/ e meu site: http://www.ilustrada.ppg.br/ Me ajude a divulgar! Desde já agradeço! E gostaria de fazer novas amizades! Abraços !

3:48 da manhã  
Blogger frosado said...

Desambientado, eu não sou assim tão jovem, sou uma senhora idosa de cabelos brancos... sou só jovem de espírito! (só para m gabar um bocadito)

5:31 da tarde  
Blogger Desambientado said...

Fátima.

Idosa quer dizer quantos? Há gente exagerada.
Eu também tenho cabelos brancos, ando nos quarenta, mas toda a gente me dá 18, pelas "bocas" que mando.

8:37 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

No blog de cada um, manda cada um. Quem quer mandar, cria o seu. A "Dona" Fátima, sendo agnóstica, tem é muita paciência para aturar "secas" eclesiásticas!

7:28 da tarde  
Blogger frosado said...

Concordo

7:29 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home