segunda-feira, fevereiro 22, 2010

A tragédia da Madeira

Esta desgraça que aconteceu na Madeira e outras que vão acontecendo por outros lugares fazem me lembrar sempre, o filme África Minha, quando eles desviam o rio para fazer a fazenda de café e o velho negro diz: não podem fazer isso, o rio mora aqui. Eles fazem o desvio na mesma e quando o rio inunda tudo, de novo, Karen Blixen diz: tinhas razão, o rio morava aqui. Na Madeira as Ribeiras também moravam ali, de forma mais alargada...

Etiquetas:

4 Comments:

Anonymous mitó said...

Depois do interregno... "entrada de leão"!

Interessante esta associação. E, excelente memória, minha amiga...

8:32 da tarde  
Anonymous Bruno Rosado said...

Votem novamente no Rei da Madeira

8:42 da tarde  
Blogger Rui Coutinho said...

Antes de mais, há que ser solidário com o povo madeirense.
Com o Dr. Alberto João Jardim, nem por isso.
É lamentável ver o Presidente do Governo Regional da Madeira a dar entrevistas para aqui e para ali (até quase deu ordens à agora "dócil" Judite Sousa) e a informar que há x mortes registadas, enquanto o Sr. Presidente da Câmara do Funchal diz que são X+y.
Devia havia um porta-voz do gabinete de crise e informar os jornalistas em comunicações previamente agendadas.
São pormenores destes que permitem uma autêntica voragem jornalística.
Quanto aos erros de ordenamento do território só um jurista "perito" em hidráulica e geotecnia é que insulta quem chama a atenção para as baboseiras cometidas.
Para bem dos madeirenses, espero que haja controlo das soluções técnicas a adoptar.

11:00 da tarde  
Blogger Maria Fernanda said...

Hena! Afinal, já estou ilibada da teoria da conspiração?

bjs

11:13 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home